eTudo Bem Estar Saúde O perigo dos esteróides anabolizantes

O perigo dos esteróides anabolizantes

Saiba por que o uso indiscriminado dos esteróides anabolizantes traz inúmeros riscos para a saúde.

O perigo dos esteróides anabolizantes

O uso de esteroides anabolizantes nas academias é algo que já virou rotina há muitos anos. Apesar das pessoas conhecerem os riscos envolvidos no uso destas substâncias, acabam ignorando em benefício da vaidade, em busca do corpo perfeito. Mas será que vale apena arriscar a saúde em prol da vaidade?

Apesar de rotineiro, o uso de anabolizante é algo velado, quem toma não revela, pois, além de ser ilegal, ninguém que assumir que toma bomba. Por incrível que pareça, o número de adolescentes que fazem uso destas substâncias tem crescido bastante. Os pais, muitas vezes, acabam não percebendo as mudanças físicas e comportamentais de seus filhos.

Publicidade

Não é difícil perceber estas mudanças, pois além do aumento da massa muscular em pouco tempo, quem usa anabolizante tende a apresentar um comportamento agressivo e indícios de irritabilidade, em consequência do uso destas substâncias. Por tanto, fique atento!

Riscos para a saúde

aa

Hipertrofia cardíaca. (Imagem: Reprodução)

Além de transtornos comportamentais, o uso de esteróides traz inúmeras consequências a curto e longo prazo. Hipertesão arterial, problemas renais e hepáticos são os problemas mais frequentes. Além disso, está provado que o uso de anabolizantes aumenta os riscos de a pessoa desenvolver algum tipo de câncer, sendo o câncer no fígado o mais comum.

Problemas de impotência e esterilidade também estão relacionados ao uso destas substâncias. Se não bastassem estes problemas, existe ainda o risco de acontecer a hipertrofia cardíaca, que é quando o coração aumenta de tamanho. Com isso, aumentam os riscos da pessoa ser acometida por um enfarto do miocárdio.

Efeitos colaterais

Em homens, o uso de esteroides pode apresentar algumas anomalias como ginecomastia (aumento da glândula mamaria) e atrofia dos testículos. Em mulheres, é comum o aumento de pelo corporal, voz grossa, aumento do clitóris e menstruação irregular.Em ambos os sexos, a pele fica mais oleosa, propiciando o aparecimento de acne.

Publicidade

Comentários através do Facebook